Taquari, 22 de Junho de 2018
NOTÍCIAS
05/01/2018
Adolescente morre afogado em açude

Uma tragédia abalou a comunidade da Beira do Rio na tarde de quarta-feira, dia 3. O adolescente Gabriel Miranda de Araújo, 15 anos, acabou morrendo afogado em um açude situado próximo da Capela São Bento, por volta das 16h30. 
Conforme o morador Amadeu da Silva, 69 anos, que testemunhou o fato, Gabriel e um amigo decidiram atravessar o açude a nado. “Eu estava perto e vi os dois querendo cruzar. Eu disse para eles não fazerem isso porque lá era fundo, mas não obedeceram. O outro jovem conseguiu cruzar, mas o Gabriel não conseguiu e afundou”, relata Amadeu, que viu a vítima se afogar. 
“O Gabriel nadava bem. Mas eu vi que ele começou a se afogar e eu gritei para o amigo dele voltar e ajudar, mas aí já era tarde”, conta. A testemunha também disse à reportagem que as pessoas não costumam nadar no açude. 
O amigo de Gabriel, de 16 anos que vive em Santa Catarina e veio passar as férias na localidade, relata o que aconteceu. “A gente estava nadando e, quando eu olhei para trás, ele começou a se afogar. Tentei ajudar, mas não consegui. Eu fiz o máximo que dava”, relata. 
Depois de afundar, Gabriel não voltou mais para a superfície. O SAMU e o Corpo de Bombeiros foram até o local para iniciar as buscas a Gabriel. Moradores da localidade também participaram das buscas.
Jonas Marchioro, 20 anos, foi um dos que ajudou nas buscas. “Eu vim ajudar de tardezinha e procuramos por tudo mas nada. Aí chegou final do dia e desistimos. Hoje de manhã decidimos procurar e foi aí que encontramos”, conta.
O corpo de Gabriel foi encontrado no início da manhã de ontem, quinta-feira (4), e levado para Lajeado. O amigo que estava nadando no momento do afogamento foi quem encontrou o corpo da vítima ontem. 
Natural de Joinville, Santa Catarina, Gabriel Miranda de Araújo era filho de Josias Miranda de Araújo e Sônia Hennino de Araújo. “Ele era um guri trabalhador, que não fez mal para ninguém, todo mundo gostava dele”, relatou o amigo. 
 

VÍDEO

No dia 16 de maio, um bugio que estava no Bairro Praia teve um choque ao deitar-se sobre os fios de energia elétrica. Ele caiu dos cabos da rede e foi socorrido por pessoas que estavam nas proximidades, entre elas, o agricultor Seloí Lang, conhecido por Nego do Rincão, que fez massagem e assoprou sua boca.

mais vídeos

 
CLIMA
 
EDIÇÕES
Contato
(51) 3653.3795
(51) 3653.4719
(51) 9861.6358

Copyright © Jornal O Fato Novo 2013. Todos os direitos reservados. Desenvolvido por