Taquari, 12 de Dezembro de 2017
NOTÍCIAS
01/12/2017
Quatro policiais militares a menos no verão

A segurança pública em Taquari parece piorar a cada semana. Além da ameaça do município perder o posto da Polícia Rodoviária Estadual (PRE) em Amoras, o Capitão da Brigada Militar, Rogério Armando Bueno Hoffmann Filho, revelou que o efetivo de Taquari diminuirá pelos próximos meses com a saída temporária de mais quatro policiais. 
Dias depois do assalto no Supermercado Paraíso, que terminou com o sequestro da proprietária, a Brigada Militar foi informada pelo Comando que mais um soldado havia sido convocado para atuar em um presídio estadual. Em outubro deste ano, outro brigadiano também foi chamado.
“Apesar desse soldado continuar vinculado ao efetivo de Taquari, ele não está disponível para serviço no município enquanto estiver atuando no presídio”, explica o capitão. Segundo ele, não há previsão de quando este brigadiano retornará a atuar na cidade. “Ele pode voltar semana que vem ou pode não voltar mais.”
E mesmo com o efetivo já reduzido, a Brigada Militar recebeu um ofício informado que três policiais deverão trabalhar no litoral gaúcho durante o veraneio, que deverá ser do mês de dezembro até final de março.
“É preciso deixar bem claro que todos os que saíram foi por ordem que veio de cima. Não tivemos nem como escolher quem iria. Para a Operação Golfinho, informaram que deveríamos mandar três. Ninguém perguntou para nós se ficaríamos numa situação ruim sem eles”, destacou Armando.
Para ele a situação é preocupante e poderá afetar o número de policiais nas ruas da cidade, caso o efetivo não aumente nos próximos meses. “Nesta situação, onde já estamos com pouco efetivo, a gente nem imaginava que fosse possível alguém pedir uma coisa dessas. É quase um absurdo. É extremamente grave”, afirmou.
 

VÍDEO

No dia 16 de maio, um bugio que estava no Bairro Praia teve um choque ao deitar-se sobre os fios de energia elétrica. Ele caiu dos cabos da rede e foi socorrido por pessoas que estavam nas proximidades, entre elas, o agricultor Seloí Lang, conhecido por Nego do Rincão, que fez massagem e assoprou sua boca.

mais vídeos

 
CLIMA
 
EDIÇÕES
Contato
(51) 3653.3795
(51) 3653.4719
(51) 9861.6358

Copyright © Jornal O Fato Novo 2013. Todos os direitos reservados. Desenvolvido por