Taquari, 21 de Outubro de 2017
NOTÍCIAS
29/09/2017
Hora de decisão

Amanhã, a partir das 13h30min, no estádio Marques da Cunha, do Taquariense, serão disputados os quatro duelos das quartas de final da Taça BRX Esportes/Grupo Costa de Futebol Sete. O pedido de alteração do horário do jogo entre Atlético/Ponto Real e Juventus, das 13h30min para as 15h30min, feito pelas próprias equipes, nem foi colocado em votação. Isso porque o Juventus desistiu do pedido e, com isso, o Atlético teve que aceitar o que está no regulamento desde o início do certame. 
Portanto, quem entra primeiro em campo é Atlético/Ponto Real e Juventus. O Atlético, um dos favoritos ao título, provou isso na primeira fase, encerrando em primeiro no grupo A, considerado o mais complicado, com quatro vitórias e uma derrota apenas, para o AFC. O estrangeiro Aírton e o frente Hígor, ambos com três gols, são os artilheiros do time, que tem a terceira melhor defesa, com cinco gols sofridos, e o sexto melhor ataque, com 11 gols. Além dos artilheiros, são destaques do time o também estrangeiro Maicon e o meio-campista Bruno Souza.
Se o Atlético é o favorito, não se pode dizer a mesma coisa do Juventus, que conseguiu a classificação somente na última rodada, com a suspeita de facilitação de alguns jogadores do Bar do Luizinho, e é a “zebra” desta fase, já que encerrou em quarto no grupo B, com duas vitórias e três derrotas. Adalberto e Anderson, ambos com dois gols, são os artilheiros da equipe, que teve a pior defesa entre os 12 participantes da competição, com 23 gols sofridos, e o oitavo melhor ataque, com 10 gols. Além dos artilheiros, o meia Éder Cresthani, é um dos pilares do time.
No segundo duelo da rodada, às 14h30min, jogam Avenida/MAJ Elétrica e Automação e AFQD/Exata. O Avenida, também um dos favoritos, fez a melhor campanha entre os 12 postulantes ao título, encerrando em primeiro no grupo B, com quatro vitórias e um empate. A equipe tem a melhor defesa do certame, com apenas dois gols sofridos. Queniano, com seis gols, é o artilheiro do time, que tem o quarto melhor ataque, com 12 gols. Além do artilheiro, também é destaque do time o atacante Ricardo, autor de três gols. O Avenida ainda tem duas cartas na manga para as finais, que ainda não jogaram, o goleiro Leo e o atacante Jean.
O AFQD/Exata é um dos times mais experientes da competição e encerrou em quarto na chave A, com uma vitória, dois empates e duas derrotas. O atacante Ígor, com três gols, é o artilheiro do time, que tem o oitavo melhor ataque e a sétima melhor defesa, com 10 gols. O goleiro Genésio e os meias Fernando Kern e Bira são outros destaques do time, que tem ainda Fredão para estrear.
O terceiro duelo das quartas, às 15h30min, será entre AFC e Bar do Chico/DMF/Mercado Prado. O AFC, outro dos favoritos, liderou boa parte do certame, mas no final deixou o Atlético encerrar em primeiro na chave A e ficou com o segundo lugar, com três vitórias e dois empates. Ao lado do Avenida, são os únicos que ainda não perderam no certame. Bruno Costa, com três gols, é o goleador do time, que tem o quarto melhor ataque, com 12 gols, e a segunda melhor defesa, com quatro gols sofridos. Dunho e Lunardo são destaques do time, que ainda tem o experiente atacante Jorge, que atuou em apenas uma partida. 
O Bar do Chico, depois de um início ruim, se recuperou no certame e encerrou em terceiro no grupo B, com três vitórias e duas derrotas. João Vítor, com quatro gols, é o artilheiro do time, que possui o segundo melhor ataque, com 15 gols, e a quarta melhor defesa, com sete gols sofridos. Os estrangeiros Maicon Mendes e Edinho são outros dois destaques do time, também considerado um dos favoritos.
Fechando as quartas de final, enfrentam-se, às 16h30min, Bar do Luizinho e São José. O Bar do Luizinho encerrou em segundo na chave B, com três vitórias, um empate e uma derrota. Maicon Elvis, com sete gols, é o artilheiro do campeonato e do time, que tem o melhor ataque, com 18 gols e a quinta melhor defesa, com oito gols sofridos. O goleiro Roger, o atacante Marco Cauê e o meio Odair Roque, o Xinho, são outros desataques do time.
O São José oscilou durante a competição, mas encerrou em terceiro na chave A, com três vitórias e duas derrotas. ET e Pescoço, ambos com dois gols, são os artilheiros do time, que tem o oitavo melhor ataque, com 10 gols, e a quinta melhor defesa, com oito gols sofridos.  Augusto é um dos destaques do time, que pode trazer para as finais jogadores como Scienza, Joe, Emerson, Ronald e Jonas. 
Nas quartas de final, o vencedor no tempo normal se garante nas semifinais. Havendo empate, a decisão vai para os pênaltis, com cinco cobranças para cada time.
Nas semifinais, que devem ocorrer no dia 7 de outubro, o vencedor de Atlético e Juventus encara o ganhador de AFC e Bar do Chico, enquanto o vencedor de Avenida e AFQD aguarda o melhor entre Bar do Luizinho e São José.

VÍDEO

No dia 16 de maio, um bugio que estava no Bairro Praia teve um choque ao deitar-se sobre os fios de energia elétrica. Ele caiu dos cabos da rede e foi socorrido por pessoas que estavam nas proximidades, entre elas, o agricultor Seloí Lang, conhecido por Nego do Rincão, que fez massagem e assoprou sua boca.

mais vídeos

 
CLIMA
 
EDIÇÕES
Contato
(51) 3653.3795
(51) 3653.4719
(51) 9861.6358

Copyright © Jornal O Fato Novo 2013. Todos os direitos reservados. Desenvolvido por