Taquari, 16 de Agosto de 2017
NOTÍCIAS
04/08/2017
Através de decisão judicial, Estado terá que repassar recursos da saúde em dia

A assessoria de imprensa da prefeitura divulgou, ontem, que o Tribunal de Justiça, através de um mandado de segurança, determinou que sejam repassados, em dia, o valores mensais da área da Saúde para o Município. A determinação já está valendo para o mês de agosto e os valores em atraso não foram contemplados na decisão. 
A ação foi impetrada na quarta-feira, no Tribunal de Justiça, em Porto Alegre, por ser contra o Governo do Estado. Conforme a Prefeitura, atualmente o valor mensal que o Estado repassa ao município para a execução de programas da Secretaria da Saúde é de, aproximadamente, R$ 248 mil. “Infelizmente tivemos que recorrer à Justiça para termos direito a um dinheiro que é do Município. Esperamos que o Estado cumpra a decisão”, afirmou o prefeito Emanuel Hassen de Jesus, o Maneco, através da assessoria de imprensa. A falta de repasse prejudica o andamento dos diversos serviços oferecidos. “Com esse valor que o Estado nos deve, poderíamos realizar muito mais pela Saúde. Comprar mais remédios para farmácia, ampliar a oferta de exames e melhorar o atendimento nas unidades básicas”, destaca o prefeito. 
O valor que o Estado tem em atraso, no valor aproximado de R$ 1,2 milhão, com a Administração Municipal, apenas na área da Saúde, não será pago com essa decisão. 
 

VÍDEO

No dia 16 de maio, um bugio que estava no Bairro Praia teve um choque ao deitar-se sobre os fios de energia elétrica. Ele caiu dos cabos da rede e foi socorrido por pessoas que estavam nas proximidades, entre elas, o agricultor Seloí Lang, conhecido por Nego do Rincão, que fez massagem e assoprou sua boca.

mais vídeos

 
CLIMA
 
EDIÇÕES
Contato
(51) 3653.3795
(51) 3653.4719
(51) 9861.6358

Copyright © Jornal O Fato Novo 2013. Todos os direitos reservados. Desenvolvido por