Taquari, 21 de Outubro de 2017
NOTÍCIAS
31/03/2017
Vai ter Copa Taquari

Em reunião, no dia 15 de março, no estádio Pinheirão, ficou definido que haverá a Copa Taquari de Futebol de Base que, em 2017, chega na sua terceira edição. A confirmação da competição, que é uma ótima notícia, se deu no enconto que contou com a participação do vereador Leandro Mariante (PT), representando a administração municipal, Antônio Carlos Dutra, o Gancho, coordenador geral do Pinheiros e Pinheiros/Duttra, e Alex Pereira, diretor da empresa Planeta Bola Eventos.
Na reunião, ficaram definidos pontos importantes da competição deste ano e foi formada uma comissão organizadora, que será composta pela Prefeitura, Planeta Bola Eventos, Pinheiros e Pinheiros/Duttra. A Prefeitura não dará aporte financeiro para a competição, mas cederá prédios públicos para alojamentos, além de disponibilizar pessoal para ajudar no setor de alimentaçlão e limpeza, em torno de 20 profissionais. A Planeta Bola ficará com a coordenação geral, que é a parte da organização da competição, regulamento, tabela de jogos, convites a equipes, entre outros. O Pinheiros cederá, como nas duas primeiras edições, a sua estrutura de campo e o ginásio Periquitão para as refeições. E a Pinheiros/Duttra, além de ceder a sua estrutura de campos, ficou com a parte de logística.
Segundo Mariante, a terceira Copa Taquari será disputada de 23 de julho, domingo, a 29 de julho, sábado, sendo que, já na sexta-feira, dia 28, terá algumas finais. Em 2017, a disputa pelo título se dará em cinco categorias, uma a mais do que nas duas primeiras edições, 2000/2001 (Sub-17), 2002 (Sub-15), 2003 (Sub-14), 2004 (Sub-13) e 2005 (Sub-12). Ainda de acordo com Mariante, a expectativa é fazer a maior copa organizada pela Planeta Bola, contando com a participação de 70 equipes e reunindo em torno 1,3 mil pessoas, entre atletas e professores.
Conforme Mariante, como a competição deve crescer em número de participantes, serão necessários mais alguns espaços de alojamentos, além dos que já foram utilizados nos últimos dois anos.
Em 2015, na sua primeira edição, a Copa Taquari reuniu 50 equipes de 19 clubes e escolas, do Rio Grande do Sul, Santa Catarina e Paraná, em quatro categorias. Foram sete dias de competição, totalizando 100 jogos. Na Sub-13, o campeão foi o São José, de Porto Alegre, e o vice, o Vila Nova, de Passo Fundo. Na Sub-14, o título ficou com o Ivoti, de Ivoti, enquanto o vice, com São José, de Porto Alegre. Na Sub-15, o Vila Nova, de Passo Fundo, foi o campeão, e o Pratas da Casa, de Arroio do Meio, o vice. E na Sub-17, o Lajeadense ficou com o título, deixando o Pratas da Casa em segundo.
Em 2016, a Copa Taquari cresceu. Foram 58 equipes de 29 clubes e escolas e 119 jogos. Na Sub-13, o Cruzeiro, de Cachoeirinha, foi o campeão, e o Chimarrão, de Estância Velha, o vice. O título da Sub-14 ficou também com o Cruzeiro, que venceu na decisão o ACWD, de Rio Grande. Na Sub-15, o São José, de Porto Alegre, ficou com a taça maior, deixando o Guarani, de Venâncio Aires, com o segundo lugar. E na Sub-17, o campeão foi o Sporting Sul, de Porto Alegre, e o vice, o Grêmio Ibirubá, de Ibirubá.
 
Marcelo Araújo

VÍDEO

No dia 16 de maio, um bugio que estava no Bairro Praia teve um choque ao deitar-se sobre os fios de energia elétrica. Ele caiu dos cabos da rede e foi socorrido por pessoas que estavam nas proximidades, entre elas, o agricultor Seloí Lang, conhecido por Nego do Rincão, que fez massagem e assoprou sua boca.

mais vídeos

 
CLIMA
 
EDIÇÕES
Contato
(51) 3653.3795
(51) 3653.4719
(51) 9861.6358

Copyright © Jornal O Fato Novo 2013. Todos os direitos reservados. Desenvolvido por